O POUCO QUE VIRA MUITO

0
171

Então Jesus disse: … dai-lhes vós mesmos de comer. Mas eles [os discípulos} responderam: Não temos aqui senão cinco pães e dois peixes. Então Jesus disse: Trazei-mos … E tomando os cinco pães e os dois peixes, erguendo os olhos ao céu, os abençoou … Todos comeram e se fartaram … E os que comeram foram cinco mil homens, além de mulheres e crianças.”                                        Mateus capítulo 14, versículos 13 a 21

Uma tia minha, no final da sua vida, passou a fazer dezenas de assinaturas do “Cenáculo”, revista cristã trimestral , contendo pensamentos diários, e a enviar os exemplares para uma lista de pessoas. E ela personalizava cada exemplar – por exemplo, se meu aniversário caísse no trimestre em questão, ela colocava uma pequena mensagem no dia certo, dando-me os parabéns. 

Foi isso que ela encontrou para fazer na obra de Deus, considerando suas limitadas condições físicas. E são muitos os testemunhos de pessoas que tiveram suas vidas transformadas pelas revistas por ela enviadas. 

Distribuir o “Cenáculo” foi uma iniciativa simples que gerou resultados muito importantes na obra de Deus. E essa iniciativa da minha tia serve como exemplo para cada um(a) de nós. Todos – independentemente da idade, condição social, situação física, etc – têm condição de fazer algo pela obra de Deus. Basta querer.

Jesus ensinou essa mesma lição quando realizou o milagre da multiplicação dos pais e peixes, relatado no texto que dá início a este post. Repare que antes de fazer o milagre Jesus perguntou aos discípulos o que eles tinham de alimentos. E multiplicou-os, ou seja operou a partir daquela realidade limitada e atingiu um resultado espetacular.

Em outras palavras, Deus parte daquilo que já temos para produzir resultados surpreendentes. Ele multiplica o que existe. Foi isso que Ele fez com a minha tia e assim também poderá fazer com você ou comigo.

Portanto, as únicas coisas necessárias para fazer diferença na obra de Deus são: 1) tomar a decisão de trabalhar nela e 2) ter compromisso com a decisão tomada. Só isso. 

Não é necessário ter talentos especiais, muito tempo, grandes recursos financeiros ou qualquer outra coisa assim. Basta querer e perseverar. 

Garanto para você que não há realização maior do que trabalhar na obra de Deus. De produzir resultados que levem pessoas a aceitar Jesus ou minorem o sofrimento daqueles que passam por dificuldades. E posso afirmar isso por experiência própria.

Com carinho

Deixe um comentário

avatar

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Subscribe  
Notify of