A PAZ DE DEUS

1
190170

[disse Jesus] “… a minha paz vos dou; não vô-la-dou como a dá o mundo. Não se perturbe o vosso coração nem se atemorize“. João capítulo 14, versículo 27 

E a paz de Deus que excede todo o entendimento, guardará vossos corações e as vossas mentes em Cristo Jesus“.  Filipenses capítulo 4, versículo 7

Esses dois versículos falam de algo muito importante: a paz que vem de Deus. Mas o que é essa paz e o que ela significa na vida do ser humano?

Vou começar por diferenciar entre a paz dos homens e a paz que vem de Deus. A paz humana é a ausência de conflito – trata-se daquela situação onde todos os lados envolvidos numa questão concordam em continuar a conviver bem, apesar das eventuais diferenças de opinião e interesse.

A paz humana vem de fora pois depende inteiramente das circunstâncias da vida. Agora, a paz de Deus se faz presente mesmo em meio aos conflitos.

Isso porque ela nasce dentro da pessoa, no seu íntimo, e por isso independe das circunstâncias pelas quais ela está passando na sua vida.

Os dois versículos acima ensinam diversas coisas sobre a paz de Deus. Primeiro, que ela foge a toda compreensão humana.

Num mundo onde as pessoas vivem ansiosas e se preocupam a cada momento com muitas coisas, a paz de Deus é algo que não dá mesmo para entender. Como é possível sentir paz no coração mesmo em meio a perigos, dificuldades, problemas e até guerras? Isso só é possível porque esse tipo de paz vem de Deus.

O segundo ensinamento fala que a paz de Deus é completa, integral. A paz humana nunca pode ser assim, pois ela depende das circunstâncias. Se hoje a situação está sob controle e o risco do conflito afastado, qual a garantia de que as coisas continuarão assim. E mesmo que continuem, qual é a garantia que não surja conflito em outro lugar da vida da pessoa?  

Por exemplo, imagine que para determinada pessoa a independência financeira é fundamental para sua paz de espírito. Mas, quando ela acumula uma quantidade suficiente de recursos para ficar tranquila, a preocupação apenas muda de lugar: É preciso aplicá-los bem, para não serem corroídos pela inflação, e mantê-los seguros. Em outras palavras, a segurança financeira nunca é completa, como costumam descobrir as pessoas afetadas pelas sucessivas crises financeiras que têm ocorrido nos últimos 10 anos.

O mesmo pode ser dito quanto à saúde, às relações afetivas e tantas outras coisas importantes.

O terceiro ensinamento é que a paz de Deus guarda, ou seja protege, o coração (os sentimentos) e a mente da pessoa. Quem não tem essa paz sofre muito e pode até ficar doente – não é a toa que doenças como depressão, pânico e outras tantas são cada vez mais frequentes. 

A paz de Deus elimina a perturbação e o medo que as pessoas sentem e gera saúde física, emocional e espiritual.

Finalmente, a paz de Deus é fruto da conversão a Jesus e da ação do Espírito Santo na vida da pessoa, a partir daí. Essa paz é um presente de Deus para o(a) cristão(ã) verdadeiro(a).

Se você ainda não sente esse tipo de paz no seu coração e na sua mente, pode ter certeza que está faltando presença do Espírito Santo na sua vida. Entregue mais sua vida a Jesus, ore bastante, estude a Bíblia e louve com frequência. E você verá essa paz chegar e passar a habitar em você.

Com carinho 

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Anônimo Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Anônimo
Visitante
Anônimo

https://www.facebook.com/events/1434159480160401/

Boa tarde! muito boa a leitura… Não sei se vc vai lembrar irmão mas dias atrás eu lhe falei sobre um profeta que estava vindo para o Brasil, ele esteve em Rio de Janeiro, São Paulo E Campo Grande, não sei se ele já retornou a seu pais, mas se você tiver um facebook por favor procure as ministrações se puder, fique na PAZ…. Camila