SABER DIZER NÃO

2
135732

As sereias, na mitologia grega, eram seres meio mulheres e meio peixes. Moravam numa ilha no Mar Mediterrâneo e ficavam sempre tentando enfeitiçar os marinheiros dos navios que passavam por perto, usando seu canto. E, quando enfeitiçados, os marinheiros se atiravam no mar para ir ao encontro das sereias e acabavam devorados.

As únicas formas de resistir ao canto das sereias eram ficar longe ou tapar os ouvidos para não ouvir seu canto. Não havia como resistir ao canto delas. 

Os cristãos também estão sujeitos ao “canto das sereias”, ou seja, as tentações que a sociedade humana gera para afastar as pessoas do caminho certo. Há muitas coisas que podem ser classificadas nessa categoria como o consumismo excessivo, a ambição sem controle, a busca do prazer a qualquer preço, o egoismo sem limite, etc. 

E, assim como acontece com as sereias da mitologia somente é possível resistir aos apelos da sociedade moderna de duas formas: Ficar longe, como fazem as pessoas que se retiram para conventos, longe da sociedade, ou “tapar os ouvidos”, isto é encontrar formas de não deixar que as influências ruins da cultura moderna criem raízes nas mentes humanas.

O primeiro caminho – distanciar-se – é seguido por quem concentra toda sua vida social dentro da igreja que frequenta – todos os(as) amigos(as) estão ali, só vão a eventos evangélicos, só ouvem música gospel, só entram em relacionamentos com pessoas da mesma crença, etc.  

O problema com essa abordagem é que Jesus nos pediu para sermos o “sal da terra“. Ora, para poder dar “sabor” diferente à sociedade, assim como o sal faz com os alimentos, os(as) cristãos(ãs) não podem fugir dessa mesma sociedade, buscando evitar a contaminação vinda dela. 

A outra alternativa para escapar do “canto das sereias” seria “tapar os ouvidos”, isto é, encontrar alguma forma de se tornar imune às influências negativas da sociedade. Isso significa, essencialmente, saber dizer não para tudo aquilo que pode afastar você de Deus

Isso não é fácil de fazer, pois requer lutar contra tentações bem humanas. Contra desejos e vontades que passam pela mente de quase todas as pessoas, pois são bem humanos.

Ora, a Bíblia apresenta vários exemplos de pessoas que souberam dizer não.  E o estudo desses exemplos tem muito a nos ensinar. Vejamos dois desses casos em maior detalhe: José, filho de Jacó, e os apóstolos Pedro e João.

Os que disseram não
José foi vendido por seus irmãos como escravo e acabou levado para o Egito. Lá, foi forçado a trabalhar na casa de um oficial do faraó, chamado Potifar, e acabou por conquistar a confiança do seu amo.

A mulher de Potifar se apaixonou por José e quis trair seu marido com ele. Não deve ter sido fácil para José resistir – afinal, ele era um escravo e, portanto, não devia lealdade a seu amo. Sem contar, que um relacionamento desse tipo poderia melhorar bastante sua condição precária. E nem estou considerando nessa discussão os atrativos físicos daquela mulher, que certamente não deviam ser pequenos.

Tudo incentivava José a adulterar e acredito mesmo que a esmagadora maioria dos homens, no lugar dele, teria aceito a proposta da mulher de Potifar. O “canto das sereias” foi muito forte.

E José disse não! O pior foi que, ao invés de ser elogiado, acabou por pagar um preço muito alto: a mulher, ofendida com sua recusa, acusou-o de tentar violentá-la e José acabou indo para a prisão (Gênesis capítulo 39, versículos 7 a 20). 

Deus valorizou a lealdade de José – mais adiante, ele foi reabilitado e acabou se tornando a segunda pessoa mais importante do Egito. E é isso que realmente importa para cada um de nós – como Deus avalia nossas atitudes.

O segundo exemplo vem dos apóstolos Pedro e João. O caso a que me refiro aconteceu logo depois da ressurreição de Jesus. O povo cristão estava enfrentando perseguições das autoridades religiosas judaicas, que não queriam a pregação do Evangelho. E essa repressão violenta levou ao martírio de diversas pessoas, como o do diácono Estevão (Atos dos Apóstolos capítulo 6, versículos 7 a 15). 

Foi nessas circunstâncias que Pedro e João foram presos pelas autoridades judaicas e ameaçados por elas de castigo físico, caso continuassem a falar sobre Jesus. E, apesar dessa ameaça, os apóstolos disseram não!

Eles responderam às autoridades religiosas judaicas que lhes era mais importante obedecer a Jesus, pregando o Evangelho a toda criatura, do que obedecer a quem tinha mandado prendê-los (Atos dos Apóstolos capítulo 5, versículos 10 a 32). 

Deus intercedeu nesse caso e os apóstolos acabaram sendo libertados, sem dano físico. E como tiveram coragem de permanecer no caminho certo, de dizer não a uma ameaça, Pedro e João servem de exemplo para nós até hoje.

Palavras finais 
Não é fácil ser cristão(ã) – gostaria de afirmar o contrário, mas não posso. Jesus chegou a dizer que a estrada a ser trilhada por nós seria estreita, difícil e pedregosa, enquanto a alternativa (a estrada para a “perdição”) é larga, espaçosa e confortável. 

Muita coisa nos na direção contrária àquela que precisamos seguir. E o “canto das sereias” pode ser difícil de resistir. 

Isolar-se, para ficar imune ao “contágio”, não resolve o problema, pois temos que viver no mundo. A alternativa é resistir, aprender a dizer não. Mas, isso só é possível quando a pessoa se apoia numa fé forte, que libera a ação do Espírito Santo na sua vida. 

É essa ação do Espírito Santo que vai nos convencer a enfrentar as dificuldades e fazer a escolha certa. E é Ele quem irá nos consolar, quando parecer que fizemos a pior escolha, e nos convencer dos bons resultados que a escolha correta irá gerar nas nossas vidas (mesmo quando não sejam inicialmente pouco visíveis). 

Tenha fé, confie em Deus e aprenda a dizer não, quando necessário. Esse é o desafio que cada um(a) de nós precisa enfrentar vida.

Com carinho

2 Comentários


  1. Notice: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /home/sercrist/public_html/wp-includes/functions.php on line 3831
    MICHELLE DA COSTA MATOS

    Amei esse estudo muito bom, é a pura verdade que Deus continue lhe usando irmão Vinicius.


    • Notice: get_user_by_email está obsoleto desde a versão 3.3.0! Use get_user_by('email') em seu lugar. in /home/sercrist/public_html/wp-includes/functions.php on line 3831
      Vinicius Moura

      Michelle

      Obrigado pelas suas palavras.

      Abs

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here