SENDO USADO POR DEUS

0
808

  Como um farol que brilha à noite                           Como ponte sobre as águas                                 Como abrigo no deserto                                     Como flecha que acerta o alvo                               Eu quero ser usado da maneira que te agrade       Aline Barros 

Os versos acima são da música “Sonda-me, usa-me”, da qual gosto muito. Ela fala sobre alguém que pede a Deus para ser usado(a) por Ele, dando um novo sentido à sua vida.  

O pedaço da letra acima fala sobre como aquela pessoa gostaria de ser usada por Deus através de quatro lindas metáforas. A primeira é a de um “farol que brilha ao longe”, indicando o caminho para aqueles que viajam no mar à noite. E foi o próprio Jesus que disse que seus seguidores deveriam ser “luz para o mundo” e que sua luz não poderia ficar escondida (Mateus capítulo 5, versículos 14 e 15).

A luz é importante porque afasta as trevas que, na linguagem bíblica, representam o domínio de Satanás. Jesus disse que seus seguidores, através de seus atos neste mundo devem contribuir para afastar o Mal e ajudar as pessoas a seguirem por caminhos seguros. 

A segunda metáfora é a de uma “ponte sobre as águas”. O conceito de águas na Bíblia significa o mundo e seus grandes problemas. Essa mesma imagem foi usada no Apocalipse, quando a Besta (o Anticristo) emerge das águas do mar (capítulo 13, versículo 1). 

Ser “ponte sobre as águas” significa, portanto, ajudar as pessoas a superarem os problemas deste mundo, indo com segurança de uma “margem” para outra. 

O deserto, na Bíblia, é o lugar de dificuldade, onde as intenções reais das pessoas são testadas. Jesus passou 40 dias no deserto antes de começar seu ministério, quando inclusive Ele foi tentado por Satanás (Mateus capítulo 4, versículo 1). 

Ora, quem é “abrigo no deserto” ajuda as pessoas em momento de grande aflição, tanto através de ajuda material (comida, bebida, abrigo, roupas, etc), como espiritual (consolo, ensinamento, oração, etc). 

Jesus nos chamou para amar o próximo como a nós mesmos e isso significa ser “abrigo no deserto” para quem precisa muio de ajuda.

A “flecha que acerta o alvo” cumpre sua função. Em termos espirituais, trata-se da pessoa que obtém os resultados que Deus esperava dela, para os quais chamou-a.

Essas linhas de letra terminam com uma declaração muito importante: “quero ser usado(a) da maneira que te agrade”. A pessoa pediu que Deus a use como Ele desejar – pode ser das quatro formas descritas antes, ou de qualquer outra. Mas o importante é que essa participação na obra ocorra sempre segundo a vontade de Deus. 

A frase faz eco com o que Jesus disse no jardim das Oliveiras, pouco antes de ser preso (Mateus capítulo 26, versículo 39): “Pai, se é possível, passe de mim este cálice, todavia, não seja como eu quero, mas sim como tu queres”. 

Essa é a chave de tudo.

Com carinho

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here